STF nega pedido de Desaposentação para todos os aposentados

O STF deu um parecer contrário à desaposentação na última quarta-feira (26), agora a dúvida que fica por parte dos aposentados é como que fica para quem entrou com essa ação? É importante ter em mente que não há motivo para o segurado que luta pelo direito se desesperar, o ideal é aguardar os julgamentos dos recursos que serão interpostos.

Só após esse fato é que se terá uma posição final, a partir da qual a G. Carvalho Sociedade de Advogados estará informando individualmente seus clientes. A votação negativa pela desaposentação não significa necessariamente que a busca desse direito se esgota, sendo necessário encontrar alternativas a essa primeira negativa.

Importante reforçar que a decisão não é definitiva, tendo em vista que é passível de recurso sem muitas esperanças concretas. Importante informar que quem já possui ações em andamento sobre o tema terão que ter paciência, sendo que não há nada certo no horizonte. Sendo assim, até o julgamento final dos recursos e o chamado trânsito em julgado da ação, todas as ações em andamento permanecem da mesma forma.

Nos tribunais aprendemos que nem sempre obtemos os resultados esperados, por mais que esses sejam os corretos, assim, novas medidas serão tomadas. Se no primeiro obstáculo desistirmos, estaremos sempre fadados a uma postura de derrotados. Estamos buscando associações e parceiros em busca de alternativas para reversão da atual situação. Desta forma, é fundamental paciência.

O julgamento surpreendeu negativamente para todos os aposentados, inclusive, pelo fato de que os votos proferidos contra, foram totalmente descabidos e contraditórios, principalmente o voto da Presidente do STF – Carmen Lucia, que se confundiu ao ler o voto, finalizando o julgamento com a informação de que amanhã (27/10) na abertura da sessão esclareceria o teor de cada voto e a qual recurso específico se referia.

Show Comments

Comments are closed.